Estádio Arena das Dunas começa a sair do papel.

Em: 22 agosto, 2011
Tags:

Quase oito meses depois que os demais estados iniciaram a construção de suas arenas, ressalvada a federação de São Paulo, Natal deu o ponta pé inicial no erguimento da Arena das Dunas, cuja entrega, garante a administração estadual, está mantida para o fim de 2013.

Nesta semana, o canteiro de obras da Arena das Dunas foi aberto à imprensa em visita oficial da governadora Rosalba Ciarlini (DEM). Na ocasião, algumas considerações foram feitas por fontes oficiais. Informações até então não divulgadas.

Uma delas diz respeito a uma orientação da própria Fifa: readequar o projeto da arena para que, na segunda licitação – a primeira foi deserta – comparecessem interessados em bancar o projeto de Natal para continuar uma das sedes do mundial.

Inicialmente, a Fifa, cujas exigências são rígidas, informara que seria crucial a cobertura de todos os assentos dos estádio. Isso, conforme Demétrio Torres, foi revisado pela própria Federação Internacional de Futebol: na nova arena, com capacidade para 42 mil torcedores, 10 mil assentos estarão descobertos.

De todo o modo, a alteração no projeto teve efeitos: na segunda licitação a construtora OAS compareceu ao certame. Está construindo o novo estádio. Outra informação dada põe fim às expectativas geradas pela demolição do Machadão e Machadinho. Ambos serão definhados lentamente, e não em grand finale, como muito se especulou.

“Demolição mecânica. Gradualmente, à medida que as obras forem avançado, eles serão demolidos por processo que não envolve a implosão”, explicou o secretário Extraordinário para Assuntos da Copa (Secopa), Demétrio Torres.
Pelos novos procedimentos, uma máquina semelhante a uma retroescavadeira levará ao solo Machadão e Machadinho, e por partes. Todo o material derrubado será, no próprio canteiro de obras, reaproveitado para servir de base asfáltica às adjacências da Arena das Dunas.

Segundo Demétrio Torres, o Machadinho, primeiro a cair, deve estar inteiramente no chão até o fim de setembro. Isso porque ele integra, quase completamente, o perímetro da área construída da Arena das Dunas. Já o Machadão deve demorar um pouco mais. É que 20% dele ocupa o espaço citado. “Por isso que não temos pressa para demoli-lo”, explicou titular da Secopa.

A governadora Rosalba Ciarlini destacou que paralelamente às obras da arena, o Estado trabalha em outras frentes que são de sua competência, como a readequação da Avenida Engenheiro Roberto Freire, que passará a ter dez faixas de rolamento – atualmente são seis. “A nova Roberto Freire será adpatada pensando-se no fluxo de veículos para os próximos 25 anos”, disse a chefe do Executivo estadual.

Além disso, há ainda as obras de infraestrutura no entorno do Aeroporto Internacional de São Gonçalo do Amarente. À Prefeitura do Natal caberá tocar as obras de mobilidade urbana dentro da cidade. São três projetos executivos, orçados em quase R$ 300 mi.

Matérias relacionadas

Prefeitura Municipal de Lajes - RN

Rua Ramiro Pereira da Silva, 17 - Centro - 59.535-000

CEP: 59513-000, LAJES - Rio grande do Norte

Horário de atendimento: Seg a Sex das 07h às 13h

Telefone: (84)3532-2627 / 3532-2197 / Fax: 3532-2367

NOSSOS CANAIS